Trecho do artigo de 17 anos de Karl Marx: “Reflexão de um jovem a propósito da escolha de uma profissão”

“Reflexão de um jovem a propósito da escolha de uma profissão”

Quando Karl Marx realizava seu exame final de língua alemã no Ginásio de Trèves, seu professor mandou-o dissertar sobre o tema: “Reflexão de um jovem a propósito da escolha de uma profissão”

Foi quando- aos 17 anos- Karl desenvolveu duas idéias que iriam acompanhá-lo por toda a vida.

A primeira era a idéia de que o homem feliz é aquele que faz os outros felizes; a melhor profissão, portanto, deve ser a que proporciona ao homem a oportunidade de trabalhar pela felicidade do maior número de pessoas, isto é, pela humanidade. No entanto, a segunda idéia era a de que há sempre obstáculos e dificuldades que fazem com que a vida das pessoas se desenvolva em parte sem que elas tenham condições de determiná-la.

Porém, Karl jamais abandonou a convicção de que era preciso procurar trabalhar sempre de maneira mais eficaz em prol da humanidade.

(KONDER; Leandro. Marx- VIDA E OBRA – José Alvaro Editor-1936)

Anúncios

Um pensamento sobre “Trecho do artigo de 17 anos de Karl Marx: “Reflexão de um jovem a propósito da escolha de uma profissão”

  1. Pingback: Começar a conjunturar a si mesmo diante da estruturada conjuntura da angústia | Pluralidade Concreta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s